Home  | Notícias  | Expediente 

31 de Maio de 2018 - 20:01

Posto que não baixar preço do diesel pode ser multado e interditado




 

O governo firmará um acordo com a Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e Lubrificantes (Fecombustíveis) para garantir o repasse do desconto de R$ 0,46 no litro do óleo diesel ao consumidor.

Em um Termo de Cooperação Técnica, governo – por meio da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) –, federação e distribuidoras se comprometem a fazer o desconto chegar na bomba de combustível.

O acordo será assinado amanhã (1º), às 11h, no Ministério de Minas e Energia e foi anunciado pelo ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, em entrevista coletiva na noite de hoje (31) no Palácio do Planalto.

Padilha destacouas punições possíveis àqueles que não repassarem o desconto: multas de até R$ 9,4 milhões, suspensão temporária das atividades, interdição dos estabelecimentos e até mesmo cassação da licença.

A fiscalização será realizada pelos Procons estaduais. Caso um consumidor, ao abastecer com diesel, verificar a não aplicação do desconto, poderá fazer a denúncia ao Procon.

Padilha informou ainda que um número de telefone será usado como canal de comunicação para essas denúncias.

Sem caminhões parados em rodovias federais

De acordo com o diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Renato Dias, não existe mais nenhum ponto de aglomeração dos caminhoneiros nas rodovias federais. Dias fez um apelo para que os caminhoneiros fiquem atentos a lideranças que incitam novas paralisações.

“A pauta foi exaurida. O governo está garantindo os R$ 0,46 na bomba. Não deixem que falsos líderes com interesses diversos dos interesses do caminhoneiros usem vocês para agitar e fazer baderna nas rodovias federais”.

Dias destacou que podem haver eventuais interdições parciais em rodovias, mas não significam que se trata do mesmo movimento. De acordo com ele, a PRF lida com interdições diariamente, provocadas por motivos diversos.

Marcelo Brandão, da Agência Brasil

 

 



principal  |  imprimir

Plantão

.
13/11/2018 - 19:56  Mais uma vez, julgamento das contas de Daltro Fiuza na câmara é adiado
13/11/2018 - 18:45  Com 280 inscritos, Sidro Pesc será realizado no próximo dia 18 de novembro
13/11/2018 - 16:22  Prefeitura dá início a obras de pavimentação no Bairro Ivan Loureiro
13/11/2018 - 15:53  Polícia Militar Rodoviária lança operação "Proclamação da República"
13/11/2018 - 14:40  Independente de votação na Câmara, inelegibilidade de Daltro deve ocorrer em outro processo
13/11/2018 - 12:50  Contas do ex-prefeito Daltro serão votadas e vereadores devem acompanhar parecer do TCE
13/11/2018 - 10:12  Reinaldo deve mudar nomes do primeiro escalão de governo para 2019
13/11/2018 - 09:17  Prefeito faz visitas e acompanha recuperação de estradas na área rural
13/11/2018 - 08:38  Mulher de 38 anos é roubada por dois meliantes no centro de Sidrolândia
12/11/2018 - 20:29  Vitória Jeans em Sidrolândia e Maracaju
12/11/2018 - 19:28  Loja de seminovos é com o Léo Veículos, sempre um bom negócio
12/11/2018 - 17:39  Maracajuense é selecionado para compor a seleção brasileira de Handebol
12/11/2018 - 17:24  Escola do Jardim Paraíso e CMEI no Pindorama terão nomes de professores
12/11/2018 - 17:18  Robert destaca retomada de pavimentação asfáltica na Vila Militar
12/11/2018 - 15:28  Motorista morto em acidente na estrada da Gameleira tinha 52 anos
12/11/2018 - 15:19  Maracaju empata em casa e assume liderança isolada da Série B do Estadual
12/11/2018 - 14:52  Voluntários se mobilizam para recrutar novos fiéis em ato na Praça Central
12/11/2018 - 00:08  Com aval de Lúcio Basso, G9 reafirma apoio a Carlos Henrique para presidência da Câmara
11/11/2018 - 23:20  Thiago Caminha pede exoneração do cargo de Secretário de Obras de Maracaju
11/11/2018 - 22:29  Luto: Prefeitura suspende aula em CMEI após morte de filho de professora
 
 











 

 




Contato:(067) 9 9658 0765
Email: jornalnoticidade@hotmail.com

© 2018 MD-webmarketing - Todos os direitos reservados