Home  | Notícias  | Expediente 

11 de Janeiro de 2018 - 18:45

Polícia ouve vítima de estupro e versão contradiz a de testemunhas; nenhum suspeito foi preso




 

A Polícia ouviu a vítima de um possível estupro coletivo cometido durante a madrugada desta quinta-feira (11), que relatou ter sido abusada por três homens após ter sido abordada e levada até o salão de uma igreja no Bairro Pé de Cedro.

Segundo a vítima, os três homens a abordaram quando ela saiu de casa para ir comprar cigarros, um dos rapazes inicialmente teria pedido uma informação e logo em seguida rendido a vítima colocando uma faca em seu pescoço.

Na delegacia, a mulher informou que apenas dois homens teriam forçado relação sexual e um deles ficou apenas cuidando o local, mas se for confirmado que ele se aproveitou da mulher de alguma forma sexual, também caracteriza estupro.

A versão da vítima, porém, contradiz a de um guarda que faz rondas pelo bairro na companhia de outro trabalhador, ambos revezam a segurança de algumas casas que contratam o serviço e um deles relatou a nossa reportagem ter visto a mulher durante a noite e que ela não aparentava ter sido vítima de estupro, mas que estava seminua.

“Ela nos abordou em frente a casa dela, estava seminua, sem a parte de cima da roupa e cobrindo os seios, mas nos disse que seu marido havia a tirado de casa, ainda pediu que a gente arrombasse o portão ou jogasse ela por cima, mas nós dissemos que não tínhamos esse direito e sugerimos que ela chamasse a polícia, porém em nenhum momento ela mencionou ter sido estuprada”, destacou um dos guardas, que não quis se identificar.

Em outro momento, os rapazes tornaram a ver a mulher, desta vez com um roupão e tentando fazer uma ligação em um orelhão do Bairro, ela aparentava estar desesperada, mas novamente, não mencionou estupro.

Outra coisa que chama atenção é o fato dos guardas não terem notado a presença dos três elementos apontados pela vítima e o acesso ao salão da igreja estar bloqueado, sem sinais de que alguém tenha pulado o muro.

Independente da situação, a equipe da Polícia Civil continua trabalhando com a hipótese de estupro e procura informações sobre o paradeiro dos suspeitos para que o caso seja esclarecido.

Luiz Ribeiro – Noticidade 




Comentários

  Nome:

  Email: seu email não será publicado!

Comentários:


principal  |  imprimir

Plantão

.
22/01/2018 - 16:57  Jovem é atendido no Hospital após colidir em carro enquanto empinava moto
22/01/2018 - 15:30  Ao esperar ônibus, mulher acaba atropelada no Bairro Morada da Serra
22/01/2018 - 14:33  Jovem luta com 3 para evitar roubo de sua moto, mas perde celular e dinheiro; ladrões fugiram
22/01/2018 - 10:21  Neste ano Prefeitura confirma investimento de R$ 1,2 milhão para apoio a universitários
22/01/2018 - 09:32  Em busca do sucesso, sidrolandense lança novo clip com dupla sertaneja
21/01/2018 - 23:45  Especialista diz que doenças vasculares aumentam em até 30% no verão
21/01/2018 - 23:45  OAB-MS abre inscrições para palestra sobre tributação na advocacia
21/01/2018 - 23:44  Mulher é presa com 4 mil munições em ônibus na fronteira
21/01/2018 - 23:43  Corumbaense bate o Ceilândia no jogo de ida da Copa Verde
21/01/2018 - 23:25  Homem é condenado a 9 anos de prisão por estuprar enteada durante 3 anos
21/01/2018 - 23:21  Motoristas reclamam de buraqueira na MS-162 entre Maracaju e Sidrolândia
21/01/2018 - 23:15  Macaco encontrado morto em Maracaju passará por teste de febre amarela
21/01/2018 - 22:59  Marun diz que base terá candidatura de lucidez entre Lula e Bolsonaro
21/01/2018 - 22:54  Denúncia que partiu de Sidrolândia levou PRF a apreender seis carretas com cigarro
21/01/2018 - 22:51  Motociclista de 22 anos morre ao colidir em vaca na MS-147
21/01/2018 - 22:48  Mulher aciona PM após ser convidada por amigos para participar de 'suruba'
21/01/2018 - 22:47  Motociclista morre após 36 dias internado em hospital de MS
21/01/2018 - 22:45  Após desentendimento, homem mata irmão gêmeo com dois tiros em MS
21/01/2018 - 22:24  Veículo Parati invade preferencial e atinge motocicleta no Jandaia
20/01/2018 - 09:33  Banho de sol em plena Avenida chama atenção e mobilizou até a PM
 
 











 
 
 



Contato:(067) 3272-3547
Email: jornalnoticidade@hotmail.com
© 2018 MD-webmarketing - Todos os direitos reservados