Home  | Notícias  | Expediente 

01 de Dezembro de 2017 - 11:00

Após condenação no TJ/MS, Peres diz que acredita em reversão no STJ




Foto: Rallph Barbosa - Noticidade

Peres alega que mantém consciência tranquila
 

O ex-vereador Ilson Peres que atualmente é o presidente municipal do PSDB conversou com a reportagem do Noticidade depois que o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul rejeitou recurso e manteve a decisão de condenação pelo ato de improbidade administrativa e ilegibilidade pelo prazo de cinco anos ao aprovar pautas que de acordo com a decisão judicial feriram a Lei de responsabilidade Fiscal.

Peres disse que ele e muitos advogados e juristas não entendem desta forma, ele citou exemplos em outros municípios como Pedro Gomes, Bonito e Bela Vista onde vereadores conseguiram reverter a decisão no STJ. Peres diz que a aprovação das leis para correção salarial é legal conforme a constituição federal e o fato de ocorrer depois da eleição e somente para legislatura seguinte conforme determina a Lei.

“Baseio-me nisso e vamos até o fim, essa condenação nossa nos pegou de surpresa porque para nós estávamos de acordo com a legalidade e inclusive naquele mesmo ano de 2008 a Câmara de Campo Grande votou essa mesma lei em dezembro e não aconteceu simplesmente nada”. Destacou Peres.

O caso - O Ministério Público Estadual ajuizou a presente ação civil pública em face dos apelantes, ao argumento de que os projetos de lei que tinham como objeto o aumento dos subsídios do prefeito, vice-prefeito, vereadores e secretários municipais, foram aprovados após a eleição municipal de 2008, realizada em 05/10/2008, quando já se sabia quem exerceria a legislatura seguinte. Ressaltou que o prefeito Daltro Fiúza sancionou as leis nº 1389/2008, 1390/2008 e 1391/2008, as quais aumentavam os subsídios dos secretários, do prefeito e vice-prefeito e dos vereadores, respectivamente. Sustentou que "afora a impropriedade temporal da legislação (após sabença do resultado dos 'vencedores e vencidos') o extraordinário reajuste ocorrido nos subsídios do prefeito e vice-prefeito que de R$ 9.500,00 e 4.200,00, respectivamente, saltaram para R$ 14.250,00 e 6.300,00, um aumento de 50% !!!". Informou que referidas leis foram discutidas e aprovadas em plenário realizado em 03 de novembro de 2008, aproximadamente 03 (três) semanas após as eleições.

Para o MP, judiciário da 1ª vara de Sidrolândia e Tribunal de Justiça do Estado “Não há dúvidas de que referidas leis foram aprovadas fora do prazo estabelecido no parágrafo único do artigo 21 da Lei de Responsabilidade Fiscal (aproximadamente 60 dias antes do final do mandato de 2008), restando controverso se tal prazo seria aplicável ao aumento de subsídio de agentes políticos ocupantes de cargo de natureza política.

Ilson Peres e os demais políticos envolvidos vão recorrer da decisão ao STJ (Supremo Tribunal de Justiça) última esfera e por isso ainda não são considerados culpados pelo crime de improbidade.

Douglas Amaral – Noticidade 



principal  |  imprimir

Plantão

.
21/07/2018 - 10:46  Lídio Lopes é opção para substituir Puccinelli na corrida ao governo do estado
20/07/2018 - 15:55  Conselho Tutelar ganha novo veículo para atender ocorrências em Maracaju
20/07/2018 - 15:27  Nova pesquisa para deputado estadual aponta Gerson Claro entre os 7 mais bem avaliados
20/07/2018 - 10:32  Ordem Federal prende de novo André Puccinelli; ação investiga desvio de R$ 300 milhões
20/07/2018 - 06:31  PM prende “irmãos do crime” que roubaram diversas lojas em Sidrolândia
19/07/2018 - 15:27  Após sucesso em Maracaju, Circo Balão Mágico estreia em Sidrolândia
19/07/2018 - 14:52  Hinode fará evento com vice-presidente de franquias hoje em Sidrolândia
19/07/2018 - 13:42  Eleita Miss MS, Ingrid Matzembacher ganha repercussão e fala sobre trajetória
19/07/2018 - 13:12  Produtor Rural denuncia uso ilegal de agrotóxicos no P.A Vista Alegre
19/07/2018 - 12:13  Entrevista: Novos delegados se apresentam e garantem atender a expectativa da população
19/07/2018 - 11:28  Traficante foge do DOF e abandona Onix com 403 quilos de maconha
19/07/2018 - 11:19  Menina de 4 anos que sobreviveu a acidente na BR-060 deve deixar CTI ainda hoje
19/07/2018 - 11:00  DOF apreende carga avaliada em R$ 1,8 milhão em operação em Maracaju
18/07/2018 - 16:08  Saúde & Nutrição: encontro traz grandes nomes da longevidade e alimentação saudável a Campo Grande
18/07/2018 - 15:29  DOF apreende 45 mil pacotes de cigarro avaliados em R$ 1,8 milhão
18/07/2018 - 13:45  Prefeito Marcelo Ascoli vistoria obras que foram retomadas em Sidrolândia
18/07/2018 - 13:33  Em quatro roubos, quadrilha levou 10 caminhões para a fronteira
18/07/2018 - 11:07  Cidade Empreendedora elabora plano para a agricultura familiar
18/07/2018 - 10:40  Dono do primeiro computador em Maracaju cria APP que virou febre mundial
18/07/2018 - 10:22  Caminhão roubado em falso frete na Capital é encontrado na MS-157 entre Maracaju e Itaporã
 
 











 
 
 



Contato:(067) 3272-3547
Email: jornalnoticidade@hotmail.com
© 2018 MD-webmarketing - Todos os direitos reservados