Home  | Notícias  | Expediente 

30 de Novembro de 2017 - 18:35

Prefeitos pedem apoio de Azambuja para ter compensação por geração de energia




 
O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) debateu com prefeitos, nesta quinta-feira (30), a queda na compensação financeira de municípios sede de usinas hidrelétricas ou com áreas alagadas para geração de energia. A situação impacta finanças de 13 cidades do Estado.

Sonora, a 351 quilômetros de Campo Grande, amarga prejuízos anuais de R$ 600 mil desde que a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) reduziu no ano passado tarifa atualizada de referência no cálculo da compensação financeira pela utilização de recursos hídricos.

Quando somadas as perdas da compensação, conforme a Amusuh (Associação Nacional dos Municípios Sedes de Usinas e Alagados), deixaram de ser repassados R$ 17 milhões, ao se reduzir o valor de referência de R$ 93,35 para R$ 72,20 pagos por megawatt/hora.

Em outubro, a associação ingressou com ação judicial contra a Aneel para reverter o corte e os prefeitos buscaram junto a Azambuja apoio nesse pleito. "O governador se sensibilizou e vai avaliar com o jurídico qual a melhor maneira, se judicial ou atráves do Legislativo", disse o prefeito de Água Clara, Edvaldo Alves de Queiroz (PDT). "Ele se dispôs a atender".

Para o presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Pedro Caravina (PSDB), a procuradoria estadual pretende observar os fundamentos da ação antes de um efetivo posicionamento. Isso porque a Aneel teria utilizado legislação de 2013.

Do encontro, na governadoria, participaram os prefeitos de Água Clara, Bataguassu, Sonora e Três Lagoas, os deputados estaduais Beto Pereira (PSDB) e Felipe Orro (PSDB), assim como os secretários de Governo, Eduardo Riedel, e de Desenvolvimento, Jaime Verruck.

Em paralelo – Projeto de lei busca aumentar de 45% para 65% a compensação destinada aos 727 municípios sede de usinas e alagados. O texto foi relatado pelo senador Cadinhos Santos (PR-MT), sendo aprovado na semana passada pela CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania) do Senado. Caso este chegue a ser sancionado pelo presidente Michel Temer (PMDB) haverá acréscimo de 44% nas transferências para as prefeituras.

Campo Grande News


principal  |  imprimir

Plantão

.
22/09/2018 - 00:07  PRF apreende 223,8 kg de cloridrato de cocaína escondida em caminhão munck
21/09/2018 - 19:15  Manobrista morre esmagado por contêiner de carreta no pátio da JBS
21/09/2018 - 13:07  Saúde recebe veículo 0 km para equipe da Vigilância Sanitária
21/09/2018 - 12:15  Em entrevista, organizador fala sobre a ação social ‘cruzada evangelística’
21/09/2018 - 11:29  Acadêmicos de Veterinária coletam dados sobre Leishmaniose em Sidrolândia
21/09/2018 - 11:23  Indignados, vereadores isolam presidente, questionam excesso de gastos e cobram prestação de contas
20/09/2018 - 23:10  Polícia Militar apreende veículos com cigarros e produtos de contrabando
20/09/2018 - 17:35  Motocicleta roubada em Maracaju é recuperada pela PM em assentamento
20/09/2018 - 16:53  Programa Saúde na Escola leva alunos a atendimento oftalmológico e dentário
20/09/2018 - 15:21  Polícia Militar inicia preparação para atuação no dia das Eleições
20/09/2018 - 15:13  Prefeito conhece projeto para a construção de mais de 250 moradias populares
20/09/2018 - 11:56  Esse ano, Jean Nazareth já gastou quase R$ 40 mil de dinheiro público em combustível
20/09/2018 - 11:50  Bombeiro que salvou vida de bebê por celular é homenageado na Câmara
19/09/2018 - 18:03  Vereador Robert confirma realização de cinema para crianças da rede pública
19/09/2018 - 15:00  Prefeitura e Energisa definem instalação de energia na Agrovila do Capão Seco
19/09/2018 - 14:45  No auge do sucesso, Loubet será atração no Dama Acustic Pub em Maracaju
19/09/2018 - 11:08  Campanha de vacinação para cães e gatos será no sábado em Sidrolândia
19/09/2018 - 10:35  Menino de 11 anos e adolescente cometem assalto à mulher na Avenida Antero Lemes
19/09/2018 - 09:33  Nutricionista fala sobre os procedimentos na primeira consulta. Veja
18/09/2018 - 17:39  Em entrevista coletiva, Zé Teixeira se defende e critica delator da JBS
 
 











 
 
 



Contato:(067) 3272-3547
Email: jornalnoticidade@hotmail.com
© 2018 MD-webmarketing - Todos os direitos reservados