Home  | Notícias  | Expediente 

30 de Novembro de 2017 - 10:29

Tribunal de Justiça de MS nega recurso e Daltro Fiúza poderá ficar cinco anos inelegível




Foto: Rallph Barbosa - Noticidade

Ex-prefeito é uma das principais figuras políticas
 

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, negou recurso de apelação do ex-prefeito de Sidrolândia e atual presidente municipal do PMDB, Daltro Fiúza em face da sentença proferida em 26 de agosto de 2016 por Fábio Henrique Calazans Ramos, Juiz da 1ª Vara Cível da comarca de Sidrolândia, que na Ação Civil Pública proposta pelo Ministério Público Estadual, julgou procedentes os pedidos para o fim de declarar inconstitucionais e, em consequência, nulos de pleno direito os atos administrativos e legislativos havidos no âmbito da Câmara Municipal de Sidrolândia e sancionados pelo chefe do Executivo, que tiveram por objeto a fixação de subsídios (aumento do próprio salário) ao Prefeito, Vice-Prefeito, Secretários e Vereadores, com fundamento nas Leis Municipais 1389/2008 e 1391/2008.

Daltro e outros vários políticos de Sidrolândia foram condenados ao ressarcimento dos valores por eles recebidos a mais, com base nas Leis Municipais, valores estes a serem individualizados em liquidação de sentença, por simples cálculos aritmético, corrigidos monetariamente e acrescidos de juros de mora; além do crime de improbidade administrativa.

Além de Daltro Fiúza, conforme a condenação mantida pelo TJ/MS, os réus Ilson Peres de Souza (ex-vereador), atual presidente do PSDB municipal e Rosangela Rodrigues dos Santos (ex-vereadora) deverão ter a suspensão dos direitos políticos por 05 (cinco) anos e proibição temporária, pelo mesmo prazo, de contratar com o Poder Público.

Contudo, nos termos do disposto no artigo 20 da Lei nº 8.429/92, a suspensão dos direitos políticos efetivar-se-á com o trânsito em julgado da presente, ou seja, ainda cabe um último recurso no STJ (Supremo Tribunal de Justiça), contudo alguns advogados consultados pelo Noticidade acreditam que da forma que foi mantida a sentença (unânime) dificilmente haja mudança no supremo, pois nenhuma das apelações ou recursos se sustentaram, mantendo a sentença da 1ª vara.

Como este último recurso na esfera estadual foi julgado após cerca de um ano da sentença, especialistas afirmam que esse deve ser o prazo estimado para o julgamento final do recurso na esfera federal, caso os réus de fato recorram, informação esta que não foi confirmada.

No TJ/MS o provimento aos recursos foi negado por unanimidade, conforme a ata datada de 29 de novembro de 2017 assinada pela Presidência do Exmo. Sr. Desembargador Odemilson Roberto Castro Fassa Relator, o Exmo. Sr. Des. Odemilson Roberto Castro Fassa. Tomaram parte no julgamento os Exmos. Srs. Des. Odemilson Roberto Castro Fassa, Des. Claudionor Miguel Abss Duarte e Des. Dorival Renato Pavan.

Douglas Amaral – Noticidade

 




Comentários

  Nome:

  Email: seu email não será publicado!

Comentários:


principal  |  imprimir

Plantão

.
14/12/2017 - 15:22  Campo Grande gera quase um terço de todo o PIB do Estado, aponta IBGE
14/12/2017 - 15:21  Internação de Temer em São Paulo adia posse de Marun como ministro
14/12/2017 - 15:21  Depois de 1 ano e 3 meses, Justiça libera Olarte e Andreia da tornozeleira
14/12/2017 - 15:20  MS tem o terceiro maior crescimento do País na produção de carne bovina
14/12/2017 - 15:11  Barbeiro vai promover ação social de cortes gratuitos no dia 24 de dezembro
14/12/2017 - 11:52  Gerente de frigorífico procura a Depol após carro da empresa ‘desaparecer’
14/12/2017 - 11:23  Só em 2017, Prefeitura já investiu mais de R$ 3,3 milhões ao pagamento de entidades
14/12/2017 - 10:19  Homem registra boletim após ser agredido por esposa grávida
14/12/2017 - 09:32  Governador autoriza depósito do 13º e comerciantes apostam em aumento das vendas
13/12/2017 - 14:02  Assaltante é preso na UPA após ser atingido no pé pelo próprio comparsa
13/12/2017 - 11:59  Pedro Paulo e Alex é uma das atrações contratadas para a Expomara 2018
13/12/2017 - 11:27  Prefeitura de Maracaju arrecadou 80% do esperado do IPTU 2017
13/12/2017 - 11:13  Sidrolândia e outras 24 cidades serão monitoradas por sistema de radiocomunicação europeu
13/12/2017 - 09:33  Comissão de acadêmicos destaca ano de apoio do prefeito que reafirma subvenção para 2018
13/12/2017 - 07:28  Internauta filma Sucuri de 3 metros morta atropelada na saída para Maracaju
12/12/2017 - 15:52  Projeto Pequeno Cidadão se destaca e leva atletas de handebol a São Paulo
12/12/2017 - 10:59  Jovem de 18 anos escapa de ser alvejado após arma de fogo falhar
12/12/2017 - 10:19  Município se habilita e vai receber R$ 150 mil ao mês para custeio da UPA
12/12/2017 - 09:05  DOF realiza maior apreensão de cocaína do ano, avaliada em R$ 7 milhões
12/12/2017 - 08:36  Polícia Civil prende jovem evadido que praticava furtos no fim de semana
 
 











 
 
 



Contato:(067) 3272-3547
Email: jornalnoticidade@hotmail.com
© 2017 MD-webmarketing - Todos os direitos reservados