Home  | Notícias  | Expediente 

13 de Novembro de 2017 - 19:22

Usina inicia demissão de 500 pessoas em Maracaju, mas promete manter atividade agrícola




Foto: Divulgação

A suspensão, segundo a Biosev, contribui para otimizar capacidade das usinas Passa Tempo e Rio Brilhante
 

Começou o processo de demissão de cerca de 500 funcionários da Biosev em Maracaju depois que a empresa decidiu suspender as atividades industriais no município.

O montante representa 60% dos trabalhadores da companhia, segundo informações passadas pela assessoria de imprensa.

Os 40% restantes continuam contratados, já que as atividades agrícolas foram mantidas. Toda a cana-de-açúcar colhida no local será encaminhada às usinas Passatempo e Rio Brilhante para ser processada.

A Biosev informou que todos os trabalhadores dispensados terão preservados todos os direitos trabalhistas, em estrita observância à lei. Além disso, a direção da empresa estuda com o sindicato da categoria formas de minimizar os impactos das rescisões. Afirma que está mantendo contato com organizações locais, associações e empresas para tentar recolocá-los no mercado de trabalho.

Representantes da usina também conversaram com o prefeito de Maracaju, Maurílio Ferreira Azambuja, para explicar os motivos que levaram à tomada de decisão.

A suspensão, segundo a Biosev, contribui para otimizar capacidade das usinas Passa Tempo e Rio Brilhante, capturar sinergia operacional e logística no Estado para reduzir seu custo de produção e melhorar performance, trazendo ainda mais resiliência para a geração de caixa, de forma a manter sua competitividade.

No comércio de Maracaju, o impacto das demissões de 500 trabalhadores é considerável tendo em vista que pelo menos 80% destes demitidos residiam em Maracaju, muitos pretendem abandonar a cidade em busca de oportunidade na mesma área.

Luiz Ribeiro – Noticidade 




Comentários

  Nome:

  Email: seu email não será publicado!

Comentários:


principal  |  imprimir

Plantão

.
23/01/2018 - 16:00  Polícia Militar apreende veículo carregado com maconha e prende condutor
23/01/2018 - 10:33  Prefeitura faz manutenção de escola no Assentamento Geraldo Garcia e anuncia ampliação
23/01/2018 - 10:11  TV Morena exibe reportagem que mostra golpistas se passando por Gerson Claro
23/01/2018 - 09:30  JBS está ‘exportando’ mão de obra de MS para o Canadá
23/01/2018 - 09:23  Raiane irá representar Sidrolândia em etapa mundial de Concurso de Beleza
22/01/2018 - 16:57  Jovem é atendido no Hospital após colidir em carro enquanto empinava moto
22/01/2018 - 15:30  Ao esperar ônibus, mulher acaba atropelada no Bairro Morada da Serra
22/01/2018 - 14:33  Jovem luta com 3 para evitar roubo de sua moto, mas perde celular e dinheiro; ladrões fugiram
22/01/2018 - 10:21  Neste ano Prefeitura confirma investimento de R$ 1,2 milhão para apoio a universitários
22/01/2018 - 09:32  Em busca do sucesso, sidrolandense lança novo clip com dupla sertaneja
21/01/2018 - 23:45  Especialista diz que doenças vasculares aumentam em até 30% no verão
21/01/2018 - 23:45  OAB-MS abre inscrições para palestra sobre tributação na advocacia
21/01/2018 - 23:44  Mulher é presa com 4 mil munições em ônibus na fronteira
21/01/2018 - 23:43  Corumbaense bate o Ceilândia no jogo de ida da Copa Verde
21/01/2018 - 23:25  Homem é condenado a 9 anos de prisão por estuprar enteada durante 3 anos
21/01/2018 - 23:21  Motoristas reclamam de buraqueira na MS-162 entre Maracaju e Sidrolândia
21/01/2018 - 23:15  Macaco encontrado morto em Maracaju passará por teste de febre amarela
21/01/2018 - 22:59  Marun diz que base terá candidatura de lucidez entre Lula e Bolsonaro
21/01/2018 - 22:54  Denúncia que partiu de Sidrolândia levou PRF a apreender seis carretas com cigarro
21/01/2018 - 22:51  Motociclista de 22 anos morre ao colidir em vaca na MS-147
 
 











 
 
 



Contato:(067) 3272-3547
Email: jornalnoticidade@hotmail.com
© 2018 MD-webmarketing - Todos os direitos reservados